Como superar um desgosto de amor

O seu coração bate forte. Sente um suor estranho. Sente que o seu mundo tal como o conhecia acabou. Sente que não existe salvação, nem vê uma luz ao fundo do túnel que possa mudar qualquer coisa. Eu pelo contrário, vejo que está a exagerar a situação e que está apenas a passar por um desgosto de amor que não tem de ser o fim do mundo. A sua relação acabou e então? Vai ficar a chorar pelos cantos para sempre? Quanto tempo passou? Não acha que já é altura de deitar isso para trás das costas, abrir a sua mente e ver que há muito para aproveitar além disso?

Você não quer ser feliz? Não quer amar novamente? Então tenha em conta as dicas que irei partilhar hoje, saía da escuridão e aprenda como superar um desgosto de amor.

superar desgosto de amor

Perceba como tudo aconteceu

O primeiro passo para conseguir ultrapassar é ter noção do que aconteceu e porque razão aconteceu. Foi porque ele ou ela encontrou outra pessoa? Era a relação que já não estava a funcionar? Foi você que fez alguma coisa? Será que algum dos dois se deveria ter aplicado mais? Podem ter sido várias as razões e compreender o que causou tudo poderá ser o ponto de partido para o ultrapassar. O grande problema surge quando não sabemos o que causou a separação, nesse caso e se achar que não havia motivos para isso, tem mais uma razão para esquecer e seguir em frente. Se a culpa foi sua, cresça e evolua com isso, se não foi não esteja a culpar-se quando não poderia ter feito nada para o evitar. Aconteceu. Já passou e assim você supera. Não tenha medo de chorar tudo o que tem a chorar, eventualmente irá passar.

Saiba limpar a sua cabeça

A sua vontade é a de remoer o assunto, vezes sem conta, mas se realmente já percebeu o que aconteceu e já caiu em si, é altura de começar a limpar a sua cabeça. Deixe-se de músicas tristes que apenas o(a) farão chorar, procure músicas alegres e tente ao máximo contrair a sua mente. A sua mente irá querer ao máximo recordar quando estavam juntos, mas apenas recordará os bons momentos. Então e os maus? Era tudo bom? Certamente não! Porque não pregar uma partida à sua mente e trazer também os maus pensamentos? Limpar a sua cabeça desse assunto é essencial, rodear-se de coisas positivas também. Se aconteceu, faz agora parte do passado. Aprenda a esquecer o passado e consiga no presente formar um futuro diferente.

Sinta-se útil

Quando passamos por uma fase assim, tendemos a ficar depressivos, duvidamos das nossas capacidades e pensamos que não servimos para nada. Algo que é totalmente mentira. Para aumentarmos a auto-estima, precisamos de ajudar alguém, estar perto de alguém que goste e dê valor à nossa companhia. Se ajudar alguém irá sentir-se bem consigo próprio(a) e isso aumentará a sua auto-estima porque a(o) faz sentir-se útil. É como uma roda! Você ajuda, sente-se bem com isso e melhorará a sua auto-estima. Simples não? Olhe à sua volta e menos para dentro de si. Procure oportunidades para mostrar as suas capacidades, traga para fora as suas qualidades e deixe de se fechar dentro de um mundo onde não é útil para ninguém.

Faça algo que o(a) traga de volta

É importante que não deixe de fazer as coisas que gosta e aquilo que o faz feliz. Não se pode centrar totalmente na relação que falhou, terá de pensar em todas as outras coisas que fazia para lá disso. É importante que consiga voltar ao mundo real, compreender o que se passou e seguir em frente. Se gosta de desenhar, desenhe mais do que nunca. Se gosta de jogos de computador, talvez seja a altura de passar o próximo nível. Claro que isto são apenas exemplos, apenas estou a dizer que é importante que se agarrem ao que realmente gostam para ultrapassar esta fase.

Mantenha-se ocupado(a)

Ao manter-se ocupado com outras coisas, o seu trabalho, os seus amigos, seja o que for, conseguirá aos poucos apagar o acontecimento da sua mente. Aliás, estará tão ocupado(a) a fazer outras coisas que nem se lembrará do que aconteceu. A sério! Quando fazemos algo que gostamos e nos concentramos realmente nisso, tendemos a esquecer aquilo que nos rodeia. Manter-se ocupado fará com que pense menos e graças a isso com o tempo começará a esquecer e a colocar outras coisas na sua cabeça.

Não procure substitutos

Esta é a pior ideia possível! Procurar o carinho de outra pessoa apenas porque a sua relação acabou é um grande erro. Muitas relações começam de uma carência e não tanto de amar a outra pessoa e a maioria delas transforma-se num desastre. Saiba separar os seus sentimentos. Não é por alguém a apoiar nesta fase que deverão ter uma relação. Procure um ombro amigo e não uma nova relação para substituir aquela que perdeu.

Procure companhia

Saiba que não está sozinha(o). Os seus amigos servem para os altos e para os baixos, porque não procurar um pouco de apoio? Para além disso poderá também recorrer à sua família, não existe qualquer vergonha nisso. O pior erro é fechar-se no seu próprio mundo e esperar que as coisas se resolvam sozinhas. Não se feche. Tente conhecer pessoas e fazer novas amizades. O mundo está cheio de pessoas fantásticas e quando na vida perdemos uma, por certo no futuro iremos ganhar duas melhor.

Agora é altura de colocar todas estas dicas em prática e superar o desgosto de amor de vez. Pense positivo. Distraia-se. Procure os seus amigos. Faça coisas que gosta e quando der por si tudo estará melhor.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

avatar
wpDiscuz