É tudo uma questão de… Compreensão!

Tudo o que envolve o amor e o que nos envolve nele é um mundo que escapa ao nosso entendimento puramente racional e que nos transporta por entre sentimentos que apenas o nosso coração expressa. Por vezes, faltam-nos as palavras para descrever tamanho sentimento que acreditamos ser demasiado extenso para caber num coração tão diminuto, mas acreditamos piamente que o sentimos e lutamos dia após dia pela sua concretização. Tal como a vida, temos o amor.

compreensão na relação

Por vezes faltam-nos as forças e procuramos encontrar em alguém um porto de abrigo que nos devolva todas as palavras que não conseguimos expressar e o sorriso que precisamos para encarar um novo dia, no fundo que nos faça criar um maior amor próprio. É uma questão de compreensão. É o entender de um mundo novo que por variadas razões se cruza com o nosso diariamente e que dia após dia vai deixando marcas que nos questionam sobre os nosso próprios sentimentos. Chama-se a isso amor e a compreensão passa por vários pontos que gostava de debater com vocês leitores, porque muitos são os erros das mulheres com os homens, bem como os erros dos homens com as mulheres.

Necessidade de ser ouvido – Ninguém vive sozinho e preso no seu próprio mundo. Podemos falar de várias formas e com os mais variados mundos, mas precisamos de saber que alguém nos escuta realmente e se importa minimamente em tentar perceber os nossos problemas, mesmo que isso não implique a sua resolução. Falar é essencial, mas para falarmos é necessário que alguém se disponha a nos ouvir e é aí que está a base da compreensão a fala, mas sobretudo a capacidade de saber ouvir e interpretar o outro;

Necessidade de expor o nosso mundo – Cada um vive incumbido no seu próprio mundo, mas ninguém consegue viver sem cruzar esse mundo com outro uma vez que seja na sua vida. Possuímos em nos uma necessidade de expor o nosso mundo interior para encontrar noutra pessoa ou grupo de pessoas um grupo de caraterísticas comuns que nos permitem a integração ou compreensão por parte das mesmas. Para sermos compreendidos temos de ter a capacidade de mostrar o que sentimos às outras pessoas sem medo dos julgamentos que daí possam advir. A vida será sempre uma conjunção de julgamentos, julgamentos esses que nos farão questionar quem somos e o que fazemos, mas que não deverão nunca alterar a pessoa que somos e o mundo que defendemos e pretendemos criar;

Necessidade de questionar – A compreensão advém da nossa disponibilidade para falar, embora esteja ciente que muitas coisas são percetíveis mesmo por gestos, dependendo da capacidade interpretativa de cada pessoa. As discussões por vezes são saudáveis, bem como as questões. Por várias vezes na nossa vida iremos sentir necessidade de questionar coisas que podem parecer banais aos nossos olhos mas essenciais para o nosso bem estar e compreensão de vários pensamentos que nos podem atormentar ao longo da nossa vida. Sendo assim, não tenham medo de questionar, de procurar saber mais, porque a vida é feita de perguntas, procurem assim algumas das suas respostas.

A compreensão é no fundo ir para além do que o superficial de cada um de nós mostra. É ir para além do que a simples imagem cria e que apenas os sentimentos expressam. É querer saber mais e entrar num plano mais profundo que nem todos têm a capacidade de descobrir e no qual muitos se perdem por não o saber interpretar, nunca esqueçam a importância das relações humanas.

Deixe um comentário

1 Comentário em "É tudo uma questão de… Compreensão!"

avatar
Sort by:   newest | oldest | most voted
Anónimo
Visitante

Leio sempre ao deitar me ou ao acordar. Adoro nos artigos. Parabéns.

wpDiscuz