Como evitar relações dependentes

A melhor forma de evitar relações dependentes é tentar não depender de ninguém. Temos escrito bastante sobre este assunto porque achamos ser um assunto importante que deve ser debatido. Já falámos aqui de como ser menos pegajosa e de como evitar ser uma namorada obsessiva, porque ninguém quer viver um amor que se torna obsessão e viver todas as consequências que daí advêm. Quando você tenta ao máximo tirar proveito da outra pessoa acaba mais cedo ou mais tarde por estragar a sua relação, porque encontra-se a viver uma relação parasita.

relações dependentes

Obtenha aconselhamento – Se precisar obtenha aconselhamento de um profissional afim de conseguir uma relação saudável. Para uma relação ser saudável, primeiro você tem de ser saudável, caso contrário a sua relação não o poderá ser. Pode também procurar um amigo de longa data em quem possa confiar a 100% para o ajudar. Mas pode obter respostas baseadas na amizade, por vezes é melhor uma pessoa que não conheça, para melhor fazer julgamentos.

Dê 100% de si e não espere nada em troca – Isto é amor incondicional. Se os dois fizerem isso você verá o seu relacionamento a crescer saudável e mais vivo que nunca! Isto implica passar tempo com a pessoa que ama e aproveitar esse mesmo tempo, bem como aceitar a relação assim como ela é. Isto não significa que deixe todas as coisas para trás para se centrar na sua relação, longe disso, não é isso que queremos. Cuide da sua cara metade e sobretudo cuide de si, não espere que seja ele a cuidar, assim tudo o que vier do seu parceiro ou parceira será “lucro”. Se não cuidar de si não poderá também cuidar de ninguém, tem de pensar primeiro em si.

Controle as suas emoções – Quando ficar enervada(o) ou irritada(o) tente perceber o porque desse sentimento antes de partir para a agressividade e fúria em cima do seu ou sua parceira. Isto é como aquele truque de contar até dez, deve sempre pensar antes de agir, caso contrário estará a agir por impulso. Não é que isso seja negativo em outras situações mas nesta em particular é. Não tenha problemas de falar abertamente com a outra pessoa sobre o seu problema para ambos em conjunto conseguirem resolver o mesmo, sem criar conflito.

Não ultrapasse as barreiras – Defina barreiras com o seu parceiro ou parceira. Todas as pessoas as têm e respeitar essas mesmas barreiras é fulcral para que a relação funcione corretamente e dentro dos limites por ambos estabelecidos.

Não parta para os insultos – Aprenda como discutir como um profissional. Não parta para os insultos pessoais que depois acabará por se arrepender. Mantenha o seu tom de voz, se aumentar o tom de voz o seu parceiro ou parceira acabará por fazer o mesmo e aumentar igualmente o tom, até chegar a um ponto que nenhum se ouve ao outro. Conversem como duas pessoas civilizadas.

Existem conflitos em todas as relações – A sua relação não é única! Todas as relações têm conflitos e se forem conflitos bem resolvidos até poderão fazer bem à sua relação. Podem marcar pontos de viragem e fazer surgir novas opiniões que podem ser úteis para a sua relação.

Não queira cair numa relação dependente. Saiba tomar conta de si e partilhar as coisas com a pessoa que ama de uma forma saudável e justa.

Deixe um comentário

2 Comentários em "Como evitar relações dependentes"

avatar
Sort by:   newest | oldest | most voted
Priscila Mello
Visitante

muito bom

Priscila Mello
Visitante

muito bom

wpDiscuz