Somos de mundos diferentes… e agora? – Dúvida Sentimental

No artigo de hoje vamos explorar mais uma dúvida recebida no nosso consultório sentimental. Este é um tema mais comum do que pode parecer e já foram várias as dúvidas que recebemos dentro do mesmo tema. Falamos de casais que vivem em mundos diferentes e que por várias questões, seja a religião ou até questões económicas, fazem com que as suas realidades choquem, tornando-se em verdadeiros impedimentos para uma relação estável e saudável.

O caso de hoje é sobre a desigualdade económica entre ambos os membros do casal e como essa situação afeta a relação. O nome mostrado será fictício e iremos também ocultar alguns pormenores privados, como a localização, de forma a manter a privacidade dos nossos leitores.

A dúvida colocada foi a seguinte…

” Oi, o meu nome é Gabriela (nome fictício) e tenho 29 anos. Comecei o meu namoro faz para a semana que vem 2 meses e no inicio parecia estar a correr tudo às mil maravilhas, só que depois tudo começou a desmoronar. O cara com quem estou saindo faz parte de uma das famílias mais conhecidas da cidade e como podem imaginar, tem algum dinheiro. Pra falar a verdade eu no inicio nem sequer sabia, quando tudo começou apenas com uns pega não fazia ideia que tinha dinheiro e isso não me importa, pois gostei dele e tanto estaria com ele rico ou pobre. É verdade que quem tem dinheiro é a família dele e não ele, ele trabalha com o pai e recebe seu salário. O problema foi quando conheci os pais dele, que foram muito legais para mim, mas deste então a minha segurança foi totalmente abaixo e temos discutido bastante. Não consigo deixar de ter medo pois não sou do mesmo mundo que ele e isso leva a constantes desconfianças e medos. Eu sei que o problema é todo meu e que se eu não tivesse esse medo estaríamos muito mais felizes. Que posso fazer para não discutir e viver bem com esta situação?”

Esta questão de diferenças entre membros do casal é muito comum e não acontece só relativamente a questões económicas. Por vezes também questões religiosas ou até de ideais políticos afetam o casal e causam divergências entre ambos.

Neste caso estamos perante uma mulher com poder económico diferente do seu parceiro e a chave para o problema está no sentimento de medo e inferioridade que esta sente, precisamente pelo facto da sua família não ter tanto poder económico como a dele. Aqui o ponto chave a trabalhar é sem dúvida a auto-confiança pois é isso que está a causar problemas e a levar a conflitos. Seguem-se também uma lista de conselhos que elaboramos não só para este caso, mas para todos os outros dentro do mesmo género:

  • Evite sentir-se inferior pois a questão económica não tem de afetar uma relação;
  • Converse com o seu parceiro de forma a encontrar um equilíbrio para a situação, de forma a que ambas as partes se sintam confortáveis;
  • Seja independente economicamente e mantenha os seus ideias – Por vezes existe a tendência de se deixar influenciar pelo estilo de vida ou pelas crenças da outra pessoa, contudo essa não é uma mudança natural, mantenha-se fiel a si mesma;
  • Aja naturalmente, pois as diferenças são normais e esta é só mais uma… afinal vivemos em sociedade e temos que nos aceitar como somos, não é verdade?
  • Perceba que são mundos diferentes, mas ambos válidos. Isto vale tanto para uma parte como para outra. Aproveite o melhor desses dois mundos para aprenderem mutuamente e cultivarem uma melhor relação.

Tem alguma dúvida relacionada com este tema? Deixe-nos nos comentários!

Gostou do artigo?
Gostavamos de ter o seu apoio no Patreon. Saiba mais clicando AQUI.

Deixe um comentário

avatar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.