Dicas relacionamento: Nascimento do primeiro filho

O nascimento do primeiro filho pode e vai mudar bastante o seu dia a dia e com ele também o seu relacionamento com o seu parceiro. Não existe volta a dar. Por mais que se pense que se está preparado para o nascimento do filho, por vezes, esquecemos tudo aquilo que isso acarreta.

Ter filhos é ótimo, não julguem errado, mas é algo que vai exigir de si bastante paciência, tempo, energia e recursos. Vários estudos indicam que após o nascimento do primeiro filho os casais tendem a trocar prioridades e a colocar-se em segundo plano e isso afeta de forma direta o relacionamento e vai deixar “buracos”, que não serão tapados com o crescimento do filho.

Para que esse problema seja um mal menor, é necessário agir em conformidade e perceber o que deve desde logo fazer para não comprometer o seu relacionamento.

Divida as tarefas e as responsabilidades

Embora o mundo esteja a mudar, ainda, em muitos casos, é a mulher que tem o “segundo trabalho”, de lidar com as tarefas domésticas e também com muito o que diz respeito à criança. É injusto e causará um sentimento de injustiça na sua parceira. Enquanto homem deve tentar ao máximo ajudar nas tarefas, tanto domésticas como com a criança.

As responsabilidades não precisam ser 50/50, mas deve haver um equilíbrio que seja saudável para o relacionamento (como ter um relacionamento saudável). Sentem-se em conjunto e definam as tarefas para cada um, de forma justa e sensata.

Exemplo: Com um recém nascido, por exemplo, será a mãe que passará mais tempo com a criança devido às suas necessidades biológicas, como tal, deverá você encarregar-se mais do resto para que não caía tudo sobre a sua parceira.

Dê mais valor às coisas

Adaptar-se a uma criança é um desafio! Estaria a mentir ao dizer o contrário! Quando as coisas ficam complicadas os casais têm tendência em descarregar um no outro e isso causará imensos problemas. Se vocês não conseguirem trabalhar como equipa o vosso relacionamento será aquele que levará o maior tombo.

Se tiver sempre a criticar ou por defeitos nas ações e na forma como a outra pessoa faz as tarefas, para além de estar a frustrar a outra pessoa, acabará por fazer com que esta não evolua porque nunca se sentirá suficiente para a tarefa. Já pensou no nível de ansiedade e stress que isso causa?

Aprenda a dar valor às pequenas coisas e às tarefas que a outra pessoa lhe tira dos ombros. Ninguém nasce ensinado, sobretudo numa situação destas. Dê dicas, mas não coloque a outra pessoa para baixo. Aprenda a importância da comunicação num relacionamento e lembre-se que você será o modelo a seguir pela sua criança, faça-o sentir-se orgulhoso.

Seja paciente com a intimidade ou falta dela

Existe um tempo depois do parto em que a mulher pura e simplesmente não pode fazer certas coisas e é natural e deve respeitar isso. Muitas vezes passado esse prazo (geralmente de seis semanas, depende de mulher para mulher), já poderá retomar a vida sexual normalmente. O problema é que mesmo passado esse prazo muitas mulheres ainda não se sentem à vontade seja fisicamente ou emocionalmente para retomar o ato. O que deve fazer? Ser paciente e ir dando pequenos passos!

Todo o cansaço de lidar com a criança, o amamentar, o stress e tudo mais, poderá baixar o seu libido e afetar na intimidade, trata-se de algo perfeitamente normal. Lidem com isso enquanto casal e não coloque pressão na sua cara metade. Seja compreensivo. Esteja lá para a pessoa que é exatamente isso que ela precisa neste momento.

Tomem decisões em conjunto

O nascimento de um bebé traz com ele um conjunto enorme de decisões que deverá ser feitas em conjunto. Tomar decisões sozinha poderá dar a entender que a opinião da outra pessoa não é importante. Comunicarem as vossas decisões é importante para se unirem como casal e para o sucesso da mesma. Ambos necessitam de se sentir confortáveis com a escolha feita. Se ambos decidirem que num certo tópico é melhor ser apenas uma das pessoas a tomar decisões não tem problema, porque foi uma conclusão a que chegaram juntos.

Crie tempo de qualidade

Com o tempo todo dedicado à vida de casa e à criança, é importante que quando estão juntos, consigam transformar esse tempo em algo vosso e num momento de qualidade. Não basta estar ao lado da pessoa que se ama, é necessário interagir com ela e estar presente no momento. É importante que nesse tempo tragam de volta as atividades que gostavam e faziam antes do nascimento da criança.

Uma criança nunca deverá ser vista como um impedimento. Você tem toda uma vida para além da sua criança que deve ser tratada e tida em consideração. Aproveitem esses momentos juntos. Façam com que esse tempo valha a pena!

Aproveite da melhor forma o nascimento do seu filho mas nunca se esqueça de depositar também tempo no seu relacionamento. Não coloque ninguém em segundo plano, inclusive a si própria.

Gostou do artigo?
Gostavamos de ter o seu apoio no Patreon. Saiba mais clicando AQUI.
guest

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments