Dicas para quem namora alguém de outro país

Namorar uma pessoa estrangeira é sem dúvida enriquecedor uma vez que nos permite aproximar e conhecer uma cultura diferente, pois cada país tem os seus hábitos e costumes. Ao namorarmos alguém que tem outros hábitos faz com que tenhamos que os conhecer e aprender a lidar com eles. Essa situação, mesmo sendo maravilhosa, pode por vezes gerar conflitos que outros casais com pessoas do mesmo país não enfrentam.

Com o artigo de hoje vamos tentar ajudar e dar algumas dicas para quem namora alguém de outro país e precisa de conselhos para gerir e tomar as rédeas da relação e dos conflitos que surgem.

Dicas para quem namora alguém de outro país

Superar as barreiras linguísticas – Este é um dos pontos mais importantes. Porque uma questão é namorar com alguém que apesar de ser estrangeiro entende o seu idioma ou você entende o idioma dele. Outro ponto é quando o casal fala uma língua muito diferente da outra e a comunicação é dificultada. É certo que hoje em dia o inglês é considerado a língua universal e praticamente toda a gente sabe dizer uma palavrinha em inglês. Contudo ainda há muita gente que não fala bem, ou que simplesmente não fala inglês. Nesse caso há que fazer um maior esforço para aprender, seja inglês ou a língua nativa da outra pessoa. A comunicação através de tradutores online também ajuda, mas não permite uma conversa fluída, que é muito importante para qualquer relação. Invista na aprendizagem de um idioma, tanto você quanto a outra pessoa!

Aprendizagem mútua – Ainda no seguimento do ponto anterior, a aprendizagem deve ser feita por ambos e não só a nível do idioma. A cultura e os hábitos de cada país devem ser entendidos por ambos e cada um deve conhecer o melhor que cada país tem para oferecer. Se quer construir uma família multi-cultural terá que ceder, que conhecer e acima de tudo – que aprender coisas novas. E isso é muito maravilhoso!

Amor é amor, não importa quando, como ou onde.

Mostre o melhor de cada cultura – Se a sua cara-metade não conhece a sua cultura nem está por dentro do que é praticado no seu país, comece por dar a conhecer alguns hábitos que se fazem por cá e ensine. Claro que o mesmo deve acontecer também do outro lado. A partilha de culturas é um dos pontos fortes da relação com alguém estrangeiro. Por isso aproveite para conhecer e dar a conhecer o melhor do seu país! Desde a gastronomia aos hábitos culturais como religião, festas, costumes e tradições, aproveite sempre para dar e para tirar uma lição.

Evitar discussões desnecessárias – Hábitos completamente diferentes podem gerar discussões pois não haver acordo relativamente a certos aspectos. Deve ter em consideração que qualquer relação implica cedências e que elas devem ser feitas por ambas as partes. Em caso de discordância nada melhor que sentar um pouco e conversar sobre o que deve ser feito para que ambos se sintam bem com essa situação.

Pense fora da caixa – Este ponto é essencial para quem quer ter um relação com alguém de outro país por um longo período de tempo. Como estamos a falar de duas pessoas e acima de tudo duas culturas diferentes, há que pensar um pouco fora da caixa para conseguir fazer a fusão que é obrigatória para que tudo dê certo. Não deve ser optada uma cultura acima da outra, deve sim haver uma mistura saudável e um adaptação de ambas as partes. Por exemplo, porque não fazer um natal tradicional para os dois? Mais diversão e mais festa para todos!

Estas são apenas algumas dicas para casais que são de país diferentes, para que possa ter uma relação saudável e de sucesso. Tem alguma dica para partilhar connosco? Deixe nos comentários!

Gostou do artigo?
Gostavamos de ter o seu apoio no Patreon. Saiba mais clicando AQUI.

Deixe um comentário

avatar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.