Como encontrar o amor em tempos de pandemia

Encontrar o amor não é tarefa fácil nem algo que possa ser rigorosamente planeado . Diferente de outros aspetos da nossa vida, o amor é algo que surge e que se constrói e a paixão pode aparecer onde menos esperamos. Muitas pessoas aproveitam a tecnologia para encontrar o amor e conhecer pessoas novas, o que nos tempos que vivemos é uma grande vantagem, mas pode também trazer pessoas menos positivas para as nossas vidas.

No artigo de hoje vamos dar algumas dicas para encontrar o amor em tempos de pandemia, provocada pelo novo coronavírus, para que o Covid-19 não seja impedimento para nada. Vamos também dar alguns conselhos para não criar demasiadas expectativas, algumas formas de pensar no futuro e evitar confundir sentimentos!

Encontrar o amor durante a pandemia… Mas como?

Encontrar o amor é todo um processo por isso não deve pensar que vai sair desta crise já com uma relação sólida e estável… De facto pode acontecer, mas as hipóteses serão baixas. Apesar disso, este tempo livre pode ajudá-la tanto a conhecer novas pessoas como a desenvolver algumas amizades e relacionamentos que estavam mornos:

  • A ajuda da tecnologia – É claro que a internet vai ser o ponto chave para conhecer pessoas neste momento. Seja através de aplicativos online, seja até conversar com pessoas que já conhece e com as quais já tinha relacionamentos… Use e abuse da internet, videochamada, mensagens, áudios… Enfim, comunique e mostre quem é, dê a conhecer-se de verdade, pois existe muita gente que online mostra ser alguém que não é, o que não vai ser positivo para quem procura um relacionamento saudável.
  • Permita-se a conhecer novas pessoas – Encontrar o amor é conhecer pessoas novas e expandir horizontes. Permita-se a esse conhecimento e ficará surpreendida com os resultados. Experimente instalar um aplicativo de conhecer pessoas ou um chat online, fóruns de temáticas do seu interesse e afins. Para além de ter a experiência em fazer novas amizades, quem sabe o amor não possa surgir?
  • Recupere contactos – Sabe aquela pessoa com quem já não fala há algum tempo mas que sempre foram grandes amigos (ou algo mais…)? Pois aproveite este tempo para dizer um “oi sumido” e comece a conversa. Veja e reveja amizades, pessoas que foram importantes na sua vida e verá que vale a pena.

Veja também:
O que o Coronavírus nos ensinou sobre o amor
Namorar online – Dicas importantes para o sucesso
Termómetro do amor – Saiba se está realmente apaixonada

  • Planos para o futuro – Se conhecer e começar a conversar com alguém, não deixei de pensar no futuro. Não deixe o relacionamento ficar apenas pelo online. Se por outro lado não encontrou ninguém ou nem sente tanta vontade de encontrar a paixão online, não force algo que não é da sua vontade. Espere e pense no que vai fazer quando tudo isto passar.
  • Cuidado com os “sugadores de energias” – Muitas vezes, sobretudo online, surgem algumas pessoas nas nossas vidas às quais apelidamos de “sugadores de energias”, são aquelas pessoas que parecem vampiros e nos tiram a vontade de fazer tudo ou que nos exigem demasiada atenção. São um conjunto de comportamentos tóxicos que não deve permitir quando conhece alguém, seja online ou não. Ainda assim vale a pena reforçar esta ideia pois muitos aproveitam para descontar os seus medos e frustrações noutras pessoas e aproveitam os relacionamentos online para isso mesmo.
  • Não crie nenhumas expectativas – Por último, o mais importante. Se quer procurar o amor e encontrar alguém para a sua vida, não vale a pena idealizar nem criar expectativas pois pode correr da forma contraria, levando à frustração. Deixe que a vida a leve para o caminho certo e tome sempre as atitudes que acredita serem as corretas para si.

Estas foram apenas algumas dicas para que busca o amor, em especial nestes tempos de pandemia. Mantenha-se segura e fique em casa, a sua saúde e dos seus mais queridos valem ouro!

Gostou do artigo?
Gostavamos de ter o seu apoio no Patreon. Saiba mais clicando AQUI.
guest

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments