É possível viver uma relação à distância?

Esta é uma pergunta que recebo com frequência, “será possível viver uma relação à distância?”. Qual é a vossa opinião? Eu não me arrisco a dizer que sim, por isso, se tivesse de dar uma resposta essa seria “depende” e depende de muitas coisas. Depende das pessoas envolvidas, depende daquilo que sentem, depende também de outras pessoas e das mais variadas situações. Se você vive uma relação à distância ou vive na dúvida se será capaz de suportar uma, muito provavelmente este artigo será uma mais valia para si. Que é algo difícil todos nós temos conhecimento mas aqui no Sentimento Calmo pretendemos tornar as coisas bem mais simples.

amor à distância

Existem algumas coisas que devem ser tidas em conta, nomeadamente:

As pessoas

Em primeiro lugar é quase óbvio referir que as pessoas envolvidas no relacionamento têm um grande peso no sucesso da mesma. Nem todos nós somos feitos para suportar um relacionamento que carece bastante da parte física e onde é necessária uma dose extra de criatividade para se relacionar com a outra metade.

Existem pessoas que conseguem suportar tudo e mais alguma coisa, enquanto que outras não conseguem ficar sem essa componente física ou emocional. Existem também pessoas que são muito ciumentas e por essa razão têm uma grande dificuldade em conseguir suportar a distância. Sendo assim, pessoas diferentes terão formas diferentes de encarar um relacionamento deste género.

O sentimento

Se não existir amor será muito complicado que a relação à distância se possa tornar em algo mais. Para além disso é muito frequente que neste tipo de relacionamentos as pessoas confundam os seus sentimentos e que confundam paixão com amor. Mais grave do que isso poderá ser mesmo, confundir um sentimento de bem estar com amor.

Se você nunca esteve com a pessoa, se nunca a viu ao vivo, arrisco-me a dizer que é complicado alguém afirmar que ama essa pessoa. Pode amar as palavras, pode amar a “companhia”, a troca de afeto e tudo mais, mas é deverás complicado dizer que se ama alguém que nunca se viu na vida ou com quem estivemos apenas uma vez ou nunca partilhámos mais de umas poucas horas ao vivo. Sendo assim o sentimento que ambas as pessoas nutrem.

As atitudes

As suas atitudes são muito importantes. O que está disposto a fazer para conseguir que o seu relacionamento à distância se transforme em algo mais? Você trata bem a outra pessoa e tenta surpreendê-la sempre que possível? Você preocupa-se com o que a outra pessoa sente, não lhe alimenta falsas esperanças e tenta dar-lhe o melhor? As suas atitudes irão ditar o seguimento da sua relação.

O futuro

Como ambos olham para o futuro do relacionamento? Conseguem imaginar algum futuro? Seguem a mesma linha de pensamento ou cada um imagina uma coisa diferente? É impossível viver-se para sempre num relacionamento à distância! Ou mais tarde ou mais cedo as pessoas se juntam ou pura e simplesmente não é um relacionamento mas uma companhia.

Para que a relação exista é necessário que ambos façam um esforço para combater o maior problema que existe que é a distância. Acabar com a distância e juntarem-se o máximo possível é estritamente necessário. Se nenhum dos dois fizer esse esforço acabará por ser sempre uma relação platónica que nunca levará a lado nenhum.

Várias outras coisas

Numa relação deste género é necessário que exista uma boa dose de confiança. Você precisa partilhar muito da sua vida, muito do que está a fazer do momento e substituir ao máximo as palavras pela falta de contacto físico. Você terá de aguentar passar muito tempo sem ver a outra pessoa e limitar os seus ciúmes. Você terá de ter uma dose extra de criatividade para manter a chama da relação viva e de boa saúde.

Todos estes fatores e muitos mais que poderiam ser adicionados, tornam este tipo de relacionamento em algo muito complicado e difícil de suportar nalguns casos. Mas quando existe amor existe tudo e existem vários casais felizes que começaram o seu relacionamento separados.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

avatar
wpDiscuz