Gosto de ti, mesmo tu estando longe

Gosto de ti, mesmo tu estando distante. Não poderia ser de outra forma se o amor não é uma questão de estar longe ou perto. Falam de alimento. Falam de manter a chama acesa. As tuas palavras são suficientes para aquecer o meu coração, para me fazer sentir-te perto e querer envolver-me nas mesmas. Gostaria de me envolver em ti, mas a distância que nos separa é desgastante, não desgastante o suficiente embora, para me fazer desistir de ti.

O amor não se explica, sente-se, e o que sinto por ti é o suficiente para me fazer amar-te à distância. Gostaria eu de poder ter-te bem perto de mim, mas amo-te mesmo que isso não seja possível.

As tuas palavras me envolvem, me fazem querer estar perto de ti e à medida que os meus sentimentos se desenvolvem, desenvolve-se também a ideia de que não quero ser nada sem ti.

Quem disse que um amor à distância é impossível, talvez não ame como eu te amo a ti, talvez não sinta como eu sinto, talvez não te queira assim. Acredito nas palavras, acredito que o sentimento que carrego te traga para mais perto, que me possa afogar no teu sentimento e finalmente ser feliz. Mais feliz do que agora sou é certo e mesmo que a minha vida se transforme num deserto, vou ter-te sempre aqui e mesmo que o futuro se torne incerto e o nosso sentimento se torne secreto, relembrarei o dia em que te conheci.

Porque um amor assim não se perde, fica marcado no tempo. Gostei de ti ontem, gostarei de ti amanhã, nada me tira este sentimento. Um amor distante embora, te ame hoje e a qualquer hora, que transforme o espaço sem demora e me acerque junto a ti. Que faça o tempo ser insignificante, faça a distância não ser importante e faça o teu mundo viver em mim.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

avatar
wpDiscuz