Estarei pronta para casar? Questões que deverá responder!

O casamento é algo realmente sério na vida de uma pessoa. O grande problema é que você tende a preocupar-se demais com o dia do casamento, com os preparativos e tudo mais e esquece-se de se preparar a si para os meses e anos que irá ter depois do casamento. O casamento não é apenas um dia! O casamento é algo que levará para o resto da sua vida, um compromisso e como tal é necessário responder à pergunta – “estarei pronta para casar?“.

Não basta supor que o seu casamento vai ser maravilhoso e que tudo irá correr bem, quando já existem falhas no relacionamento em si. O casamento não cura nada, aliás, pode agravar qualquer problema que exista no relacionamento. São vários os que falham por causa de problemas no casamento e casais que acabam por procurar ajuda para salvar o seu.

Saiba ser realista sobre aquilo que a espera na sua vida e no seu relacionamento.

Algumas questões para você responder e refletir:

Por que razão você quer casar? 

Para começar esta é uma boa pergunta para o deixar a refletir. Qual é o real motivo para você se esta a casar? É algo que você quer? É algo que ambos querem? Ou é pura e simplesmente pressão da sociedade, amigos ou família? Ficaria surpreendida por saber o número de pessoas que o faz apenas por ser pressionado. A sociedade pode pressioná-la bastante, mas você é que tem de decidir o que quer fazer da sua vida, não eles! Pense nisso antes de meter o pé na poça.

Por que escolheu esta pessoa para casar? 

Agora que refletiu sobre o porquê de querer casar, tem de refletir o porquê de ter escolhido esta pessoa. Não basta dizer – “porque eu amo esta pessoa”. Infelizmente o amor não é suficiente para fazer um relacionamento funcionar. Leve algum tempo para perceber o que realmente lhe importa nele. Será por ser bonito? Provavelmente não. Será por ser uma pessoa compreensiva e que sabe ouvir os outros? Provavelmente sim. Saiba olhar para as coisas que importam a longo prazo. O que o faz ser diferente de todas as outras pessoas para que o tenha escolhido?

Que valores é que ambos partilham? 

Não basta gostar de uma pessoa, é necessário que ambos sejam compatíveis! Os opostos atraem-se? Sim, talvez inicialmente, mas a longo prazo vão ser as semelhanças a manter-vos unidos. A incompatibilidade entre personalidades pode ser um problema muito grave. É necessário que conheça muito bem a sua cara metade e o que ela defende, antes de tomar uma decisão tão importante na sua vida.

Quais as vossas maiores diferenças? 

Não se esqueça que no início do relacionamento estamos sempre atordoados! Tudo parece ser perfeito, as pequenas diferenças não importam porque tudo vai dar certo, apesar do que possa acontecer. Esse efeito atordoante acaba por passar e aí as diferenças surgem. Não veja apenas as coisas que os unem, veja também aquilo que vos separa e perceba se é capaz de viver com todas essas diferenças.

Como você imagina o seu futuro? 

Ambos vão ter expetativas sobre como é estar casado e como poderá ser o vosso futuro. O conflito será maior à medida que percebem que as vossas expetativas poderão ser diferentes e no pior dos casos, divergentes. Você pode também ter uma ideia errada do seu relacionamento e de como ele evoluirá com o passar do tempo. Nada será perfeito para sempre, é necessário que ambos se adaptem e que consigam viver com as falhas e com os erros dos outros.

Dê uma chance a estas perguntas antes de pensar sequer no casamento! Não se alimente de falsas esperanças ou faltas expetativas. Aliás, respondam ambos ás perguntas e discutam as mesmas um com o outro.

Gostou do artigo?
Gostavamos de ter o seu apoio no Patreon. Saiba mais clicando AQUI.

Deixe um comentário

avatar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.