Escapadela a dois – o seu guia completo

Gostava de fazer uma escapadela a dois num futuro recente? Não existe nada melhor do que viajar, aliás existe, viajar com a companhia da pessoa que mais gostamos. Não poderia ser o cenário mais perfeito. Talvez podia… Podia ser ainda mais perfeito se conseguissem fazer essa escapadela a dois gastando muito pouco mas sem comprometerem todo o divertimento e a diversidade da experiência. Todos sabemos a lengalenga de que o dinheiro não compra felicidade, lá está que não, mas ajuda, mas mesmo assim não iremos deixar que isso arruíne a sua viagem.

escapadela a dois guia completo

Porque razão viajar é essencial?

As razões para viajar são imensas, desde logo:

  • Conhecer novos locais;
  • Conhecer novas pessoas;
  • Viver novas experiências;
  • Quebrar a rotina;
  • Viver momentos a dois;
  • Criar memórias a dois;
  • Etc;

As viagens devem de todo fazer plano dos vossos planos a dois. São uma experiência tão completa e enriquecedora que é um desperdício não embarcar nela. Claro que nem todos nadamos em dinheiro e por vezes existem outras prioridades que nos deixam sem possibilidade de viajar. Mesmo assim não deve ser desculpa mas apenas um motivo para descer um pouco as suas expetativas e trabalhar melhor o seu budget, algo que explicarei mais à frente.

Viajar é essencial para conhecer pessoas que pensam de forma diferente de si, que vivem de forma diferente de si e que conhecem e viveram coisas que você nunca viveu. Só pelas pessoas que se conhecem no caminho já é uma experiência enriquecedora porque através das pessoas conhecerá muitas outras coisas. Os locais que conhecem e as experiências que vivem ficarão igualmente para toda a vida, assim como as memórias e os momentos que vive com a sua cara metade. Se isso não chega para o convencer não sei o que fará.

Confira também: Razões para ir de férias

Os primeiros passos

Existem várias coisas que devem ser feitas antes de pensar em embarcar nesta sua viagem. Estes são na minha opinião os primeiros passos do planeamento de uma escapadela a dois:

Conversar sobre a ideia de viajar – O primeiro passo de todos obviamente é falar com a sua cara metade sobre a possibilidade de fazerem uma escapadela. Discutam entre ambos se é ou não possível fazerem uma viagem, mesmo que seja apenas algo de um dia ou dois. Depois de ambos concordarem que é possível, pode passar para o próximo passo.

Escolherem o local e a data – Vivemos uma vida tão ocupada e preenchida que a escolha da data se torna no passo seguinte e assume uma importância central. Tem de garantir que ambos estão disponíveis na data selecionada e depois tentar jogar com as condições meteorológicas desse dia, preço das viagens e afins. A escolha do local é igualmente importante. O local deve ser algo que ambos queiram visitar e também algo que encaixe dentro das vossas possibilidades.

Escolherem o modo de deslocação – Viajar de carro, comboio, avião, autocarro ou outro? É tudo uma questão de ver o que lhe fica mais em conta e como planeou a sua viagem. Por vezes ir de carro é mais conveniente se pretende levar ou trazer várias coisas e se pura e simplesmente não quiser estar dependente de horários. Veja aquilo que lhe é mais conveniente, discuta com o seu parceiro ou parceira e juntos chegarão a uma conclusão.

A escolha da dormida – A escolha de onde irá dormir é também importante. Existem packs de viagens que já incluem a dormida, comida e tudo mais, caberá a si ver o que lhe fica mais em conta. São vários os sítios onde pode passar a noite, desde os mais caros como hotéis ou baratos como pensões, hostéis ou até parques de campismo se for uma pessoa mais virada para a aventura.

Os locais de interesse a visitar – Fazer planos para a sua viagem é essencial para que não lhe falte pitada e para garantir que visita os locais que realmente quer visitar. Por outro lado é também bom fugir dessa rotina e deixar que a intuição do momento o leve a locais novos. Tudo dependerá se procura viver uma viagem planeada ou algo sem quaisquer planos e entregue apenas à “loucura” do momento.

O mais importante de tudo é que se divirtam enquanto casal que são, que não tenham medo de sair da zona de conforto e quebrar a rotina.

Não perca as nossas dicas para quebrar a rotina.

Dicas de poupança para a sua viagem

Como sei que o dinheiro não cresce nas árvores fica bem acrescentar algumas dicas de poupança para viagens. Ao contrário do que as pessoas pensam nem sempre é preciso gastar rios de dinheiro para viajar, pelo contrário, com as dicas certas pode até poupar bastante dinheiro. Aqui ficam algumas:

Planeie com antecedência – Coisas combinadas em cima da hora raramente dão certo. Se quer ter uma viagem descansada nada melhor do que planear as coisas com antecedência. Faça as pesquisas necessárias, reserve dormida, escolha locais a visitar e tudo o necessário para que a viagem corram dentro dos conformes.

Estabeleça um budget e cumpra-o – Saber quanto dinheiro tem disponível para a viagem é essencial para que não sofra de apertos inesperados. Não use dinheiro para viajar que lhe é necessário no seu dia a dia para pagar contas e afins. O dinheiro da viagem deve ser dinheiro que você sabe que será “perdido”. Planear os gastos com antecedência é essencial para que não tenha eventuais surpresas.

Comece a poupar na altura certa – Hoje em dia nem sempre é fácil poupar dinheiro ou conseguir ter o disponível para viajar. Comece um plano de poupança adaptado às suas possibilidades, tente esquecer-se desse dinheiro e provavelmente ao fim de algum tempo terá o suficiente para uma pequena viagem.

Escolha o meio de deslocação certo – Se decidir viajar de carro existem algumas dicas que poderão fazer a diferença, nomeadamente visitar com mais pessoas no carro e dividirem os gastos de combustível ou tentar viajar em estradas nacionais evitando as portagens (embora nem sempre compense). Dependendo do local que quer visitar terá de escolher o meio de deslocação que lhe seja mais conveniente e que o faça gastar menos dinheiro.

Evite hotéis e seja criativo nas dormidas – Qual é a neura das pessoas que pensam que para viajar é sempre necessário ficar em hotéis caríssimos? A dormida é apenas um pormenor em qualquer viagem porque presume-se que você vá para conhecer o local e não a cama do hotel. Seja criativo e procure dormir em hósteis, onde poderá conhecer várias pessoas, casas de amigos ou até acampar. Existem pessoas que poupam imenso dinheiro em dormidas andando sempre com a “casa às costas”, porque não fazer igual?

Experimente cozinhar em vez de comprar feito – Porque não ficarem hospedados num local onde possam fazer a vossa própria comida? Comer fora é importante para conhecer a gastronomia local mas poderá tornar-se em algo bastante dispendioso. Poderá também pedir dicas a pessoas que conheça na viagem que lhe poderão indicar bons locais para comer em conta ou até convidá-los para jantares.

Escolha destinos mais baratos – É dito e sabido que se escolher cidades turísticas ou destinos muito requisitados para férias acabará por pagar mais quase em tudo. Existem locais onde a nossa moeda ganha bastante valor no câmbio e que poderão ser bons destinos de férias. Se realmente quer poupar dinheiro, esqueça aqueles destinos caros que todo o mundo procura visitar e abra os olhos para novas possibilidades bem mais em conta.

Não se deixe enganar – Se viajar para países que falem línguas diferentes da sua e que usem uma moeda diferente terá de ter muito cuidado, caso contrário poderá ser enganado. Existem várias histórias de pessoas que foram enganadas e às quais lhe foi cobrado um valor bastante elevado por determinados serviços. Informe-se sobre as coisas. Saiba quanta vale o seu dinheiro e perceba assim se está a ser enganado.

Prefira os locais grátis invés dos pagos – Existem vários locais que você pode visitar sem gastar dinheiro. Claro que existem museus e outros locais que terão de ser pagos mas se você não os quiser visitar realmente, porque não optar por locais onde não precisa pagar nada. Planeie tudo como deve ser e poupará imenso dinheiro.

Com todas estas dicas será muito mais fácil conseguir desfrutar de uma boa escapadela a dois sem que gastem muito dinheiro. A criatividade, o planeamento e a vontade de colecionar experiências são coisas essenciais para que aproveite a viagem ao máximo, por isso use e abuse disso mesmo.

Como a escapadela pode beneficiar a sua relação

Uma viagem a dois não é apenas uma viagem, trazendo esta muitas coisas positivas à sua relação, como por exemplo:

Quebra da rotina – Quebrar a rotina é essencial nos dias que correm. Vivemos vidas agitadas, complicadas e onde o trabalho ocupa a maior parte do nosso tempo. É muito natural o seu relacionamento em qualquer estágio cair numa certa monotonia e estas viagens ou escapadelas podem ser essenciais para criar uma quebra e trazer de volta a animação no relacionamento.

Maior comunicação e partilha – A comunicação é essencial num relacionamento, eu pelo menos acredito que grande parte das coisas no seio da relação se resolvem conversando. Numa viagem destas a comunicação é essencial, tanto para o planeamento como para todo o processo da viagem. A partilha é também um dos pontos fortes. Se viajam ambos terão de partilhar experiências, sorrisos e os vários acontecimentos do dia a dia, algo que vos tornará muito mais unidos.

Diversão em conjunto – Sem dúvida que uma das coisas mais importantes é que se divirtam juntos e que consigam aproveitar cada momento e criar memórias para o futuro que os tornarão mais fortes como casal.

Não subestime o que uma viagem poderá fazer pelo seu relacionamento. Está à espera de quê para marcar a sua próxima viagem? Boa sorte! Espero que as dicas vos tenham sido úteis.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

avatar
wpDiscuz