Dicas simples para se aproximar e educar o seu filho

Vivemos em tempos difíceis para educar um filho. Hoje em dia vivemos num mundo tão tecnológico, tanto para os pais como para os filhos, que a simples vontade de se aproximar mais do seu filho ou de o educar da forma correta, pode se tornar num grande desafio.

Quando juntamos a tecnologia, a falta de tempo que os pais têm hoje em dia para estar com os filhos, com todas as influências externas e a pressão por parte da sociedade, temos uma mistura explosiva. A pensar nisso mesmo, decidi discutir com vocês algumas ideias simples que poderão servir para se aproximarem mais com os vossos filhos, ao mesmo tempo que os educam. 

Dicas que farão a diferença

Limite a tecnologia – A tecnologia é importante quando bem usada, mas noutras situações pode ser um grande problema. Quando a tecnologia é usada de forma educativa, jogos educativos, jogos de palavras ou qualquer outro estímulo, é algo positivo. Por outro lado, quando colocamos o telemóvel ou o tablet nas mãos da criança apenas para termos tempo para nós próprios, pode tornar-se num pesadelo.

Entreter o seu filho com a tecnologia, sem supervisão, para conseguir ter o seu tempo é compreensível mas errado. Deixar o seu filho ter acesso à tecnologia muito novo é igualmente errado, da mesma forma que deixá-lo usar o computador ou o que quer que seja, sem limitações de tempo também.

Use a tecnologia para o ensinar. Estabeleça limites. Esteja de olho no conteúdo visualizado. Saiba dizer não.

Eles não podem ter tudo – Eu sei que o seu filho é a sua coisa mais querida e que quer tudo do bom e do melhor para ele, mas tudo na vida tem limites. Há uns anos atrás era normal as crianças terem poucos brinquedos, muitos deles improvisados ou feitos com peças do dia a dia. Hoje em dia as crianças têm acesso a tudo! A televisão publicita os brinquedos, a internet igual e as crianças fazem pressão sobre os pais para os obterem.

São vários os casos de crianças que estão tão cheias de brinquedos que mal cabem eles próprios no quarto. É necessário contenção. As crianças precisam usar a sua imaginação e se tiverem acesso a tudo isso não é possível.

Menos pode ser mais. É necessário que estes saibam partilhar. Dar valor ao que possuem e perceberem que não podem ter tudo aquilo que desejam.

Saiba dizer não – É aqui que grande parte dos pais falham. Saber dizer não nos momentos certos é crucial para qualquer criança. O grande problema das crianças de hoje em dia é que têm acesso a tudo e conseguem as coisas no exato momento que as desejam. É errado! Não vai ser sempre assim na vida delas!

As crianças têm de lidar com o não, com o sentimento de não poderem ter algo no momento e com essa angústia, caso contrário nunca estarão preparadas para a vida real. Dizer sempre sim, irá criar uma criança que está habituada a ter tudo e que quando contrariada facilmente se torna manipuladora ou até agressiva para obter o que sempre lhe foi dado.

Dizer não é crucial para preparar uma criança para o mundo real. Tenha atenção à satisfação instantânea que toda a criança procura.

Mostre o mundo como ele é – Tentamos esconder tudo o que é de mau das crianças para as proteger, mas será isso o certo? Eu acredito que é necessário mostrar-lhes o mundo como ele é, tudo a seu tempo e introduzindo as coisas à medida que estas vão aparecendo. Todo o pai tende a criar histórias rebuscadas para justificar o sem abrigo na rua, a senhora sem um braço ou a prostituta de rua. Alguém se preocupa em introduzir um pouco de realidade na criança?

É um assunto polémico, mas é necessário que as crianças comecem desde cedo a lidar com os problemas que existem no mundo e não deixar que o destino lhes introduza tudo no futuro como uma avalanche.

Saiba introduzir realidade na vida do seu filho, quando isso for necessário. Chega de histórias da carochinha que só servem para mascarar o mundo onde vivem.

Cuidado ao criar expetativas – O nosso filho é o melhor. Ele vai ser o melhor. Ele tem de ser o melhor. Ele vai ser melhor do que todos os outros. Vai ir mais longe que os outros. Vai ser mais educado que os outros. CHEGA! Chega desta pressão da sociedade ou de tentar que o seu filho seja perfeito. Nem todos nascem para ser médicos, nem todos nascem para tocar piano e nem todos devem seguir os sonhos dos pais.

O seu filho não é perfeito. O seu filho não vai ter tudo o que quer na vida se lutar por isso. O seu filho não vai conquistar tudo o que deseja, nem ser feliz para sempre. Chega de incutir falsas esperanças nas crianças. Você pode viver uma vida toda a dizer ao seu filho que basta querer muito e terá tudo o que deseja na vida. Com os anos ele estuda, arranja um trabalho que provavelmente nem gosta, tem contas para pagar e percebe que você lhe mentiu porque está muito longe de conseguir ter tudo o que quer.

Mostre os caminhos certos aos seus filhos. MOtive-os a querer mais, mas saiba mostrar-lhe que não pode ter tudo o que deseja apenas porque sim. Mostre-lhe que a vida tem muitos altos e baixos e que tem de ser forte o suficiente para lidar com eles.

Tempo de qualidade – Passe tempo de qualidade com o seu filho e não apenas tempo. Por vezes estamos bastante tempo com os nossos filhos mas não lhes damos atenção suficiente para que esse tempo seja de qualidade. Oiça o seu filho, brinque com ele e perceba quais os seus problemas e como poderá ajudá-lo a resolve-los.

Esteja presente antes dos problemas aparecerem e não apenas quando necessita solucioná-los.

Estas dicas são polémicas, eu sei que são. Provavelmente são fruto da minha visão do mundo e como tal são discutíveis. Qual a vossa opinião sobre estas dicas e quais vocês dariam para futuros pais?

Conto com a vossa opinião nos comentários.

Gostou do artigo?
Gostavamos de ter o seu apoio no Patreon. Saiba mais clicando AQUI.

Deixe um comentário

avatar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.