Dicas de relacionamento com filhos e família

No último artigo demos dicas de amor e relacionamentos em termos de convivência com a pessoa que ama e formas de tornar mais fácil essa mesma convivência. Hoje continuamos com as nossas dicas mas desta vez viradas para a relação com os seus filhos (caso os tenha) e a sua família. Não só a relação de casal é importante, também a relação que tem com os seus filhos e família assume um papel muito importante na vida e na estabilidade da mesma.

casal com filho

Facilite a sua vida – Acabou de ter um filho e embora ainda não lhe tenha feito falta, pode ter chegado o momento de comprar uma máquina de lavar loiça ou de secar roupa que lhe facilitem as tarefas domésticas e lhe poupem um tempo de que não dispõe. Talvez também lhe convenha um gravador automático de chamadas que lhe evite correrias para o telefone, principalmente se este estiver longe do local onde costuma dar banho ou trocar a roupa do bebé.

Shiu! Ele está a dormir – Depois de o embalar, contar histórias, cantar e tudo o resto, conseguiu por fim que o seu filho adormecesse. É o momento de respirar fundo e por muitas obrigações que tenha dar um pouco de atenção ao seu companheiro: certamente que há já alguns dias que não estão a sós ou vêem um filme juntos. Não se esqueça de que também os dois precisam de descansar.

Ele não quer ter filhos – É o vosso eterno tema de discussão. Gostava de ter filhos mas ele não partilha da mesma opinião. O acordo não será fácil, principalmente se se tratar de uma decisão muito ponderada da parte dele. Talvez esconda o medo a insegurança sobre a instabilidade do próprio casal ou considere não ser capaz de educar uma criança. Analisem as causas e dialoguem tranquilamente. Serenidade é uma forma de enfrentar os problemas.

Até quando poderei decidir? – Eles podem ser pais até aos 50 ou 60 anos… inclusive mais, mas nós temos limitações pois a partir de certa idade aumenta o risco de malformações. Felizmente hoje em dia existem testes ginecológicos que permitem detetar problemas e há mulheres que têm crianças perfeitamente perfeitas acima dos 40 anos.

Sós tu e eu – Umas pequenas férias sem as crianças, ainda que seja apenas por um fim-de-semana, serão uma óptima oportunidade para se dedicarem exclusivamente um ao outro. Com quem deixar as crianças? Certamente terão algum irmão ou amigo que também tem filhos e que acolherá com entusiasmo uma proposta do tipo “hoje nós, amanhã vocês”. Só precisarão de combinar a data.

Quando ele já tem filhos – Espere até conhecer bem o seu companheiro antes de conhecer os filhos dele. Desta forma sentir-se-á mais segura e apoiada. Se forem ainda pequenos não tente ocupar o lugar da mãe, principalmente se ele for viúvo, porque ficarão contra si. Conseguirá conquistá-los aos poucos, com carinho. Se forem adolescentes seja razoável com eles mas não aceite comparações nem deixe que eles ocupem o seu espaço. Se já são adultos e não vivem com o pai, a sua tarefa será muito mais fácil: trate-os com muito tacto e ganhará o seu respeito.

Passar férias… com os sogros – Por qualquer razão, as suas próximas férias serão passadas com os seus sogros. Se se dá bem com eles, não há problema mas se assim não for… tenha calma e reserve algum tempo para estar a sós com o seu companheiro – não precisam de andar sempre todos juntos. Lembre-se: não aproveite esse tempo para falar das coisas que não lhe agradam.

Conhecer a família dele – Há já algum tempo que sai com um homem e ele propôs-lhe almoçar no domingo com a família. Não lhe pode dizer que não mas… se pudesse fugia. É natural que se sinta nervosa mas verá que não vai ser assim tão mau. Vai ver como eles compreendem e a recebem encantados.

Gostou do artigo?
Gostavamos de ter o seu apoio no Patreon. Saiba mais clicando AQUI.

Deixe um comentário

avatar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.