Sentimento Calmo - O seu portal de amor e relacionamentos



Muitas vezes desconhecemos porque se dá o fim do namoro, porque a maior parte das vezes é algo que se dá de forma muito rápida e avassaladora. Muitos casais por outro lado não conseguem sobreviver à primeira discussão o que leva ao final da mesma. O seu companheiro acabou consigo e está com problemas em avançar com a sua vida? Manter-se sempre no sentimento de tristeza não é nada saudável e pode afectar a sua luta se procurar apostar numa nova relação. As dicas seguintes vão ajudar você a avançar e a descobrir o amor novamente e como superar o final de relação.

superar o final da relação

Como superar o final de relação:

  • Aceitar a realidade. Aceite o facto de que o relacionamento acabou. Não se coloque em fantasias irrealistas que pode fazer voltar o tempo atrás. Respeite o facto de que a relação teve o seu tempo, mas que esse tempo passou. Este foi um capítulo da sua vida que deve agora ser encerrado e agora você deve estar pronto para crescer e entrar noutro capítulo de sua vida.
  • Aprender com ele. Tudo é uma experiência de aprendizagem, para usá-la em sua vantagem! Devemos sempre aprender com um amor falhadoOlhar sobre o seu relacionamento e elaborar uma lista do que foi bom sobre ele e o que deu errado. Use essas notas como uma ferramenta para melhorar suas habilidades nos relacionamentos.
  • Nunca generalize. Todos sabemos que o fim de uma relação conduz a sofrimento e dor, o que pode acontecer é que você generalize esta situação e diga que isso vai acontecer em todas as suas relações. Tenha em mente que todo mundo é um indivíduo com as suas próprias qualidades únicas e personalidades e seus encontros com eles será sempre diferente, porque as pessoas são diferentes.
  • Foque-se em si. Demore algum tempo para se conhecer a si mesmo novamente antes de se envolver com alguém. Saiba o que você realmente precisa e merece e que você está pronto para dar a outra pessoa. Quando tiver a certeza sobre o que você está disposto a dar e receber, você será capaz de encontrar um parceiro melhor e tentar novamente ser feliz.

Superar o final de relação não deve ser um sofrimento eterno, mas sim algo passageiro. Não se prenda no passado, porque assim nunca conseguirá viver em pleno o futuro.

  • http://somaisumcaraestranho.wordpress.com Manuel Benicio

    mt bom post
    eu mesmo tô numa situação agora, começei a gostar de uma garota que recentemente saio de um relacionamento longo e ainda não se recuperou, tô sendo paciente e torcendo pra ser recompensado no final podendo dar a ela o meu carinho e receber o dela.

    • Vigilante

      Exactamente amigo Manuel o amor é algo de complicado e deve ser levado a seu tempo.

  • claudia Lisboa

    Eu acabei o meu relacionamento a 3 dias, sinto me pessima tive ke deixar a mha casa para me afastar e tentar mesmo viver sem ele.
    ele foi pra casa dos pais e eu vim pra uma amiga, sempre que podia batia-me, raramente trabalhava estivemos juntos 9 anos de tudo fiz pa manter a casa e a relacao pk sempre o amei incondicionalmente,
    mas a verdade e ke um dia destes de manaha bateu me demais da conta abriu me os labios o nariz, e foi entao a vez que eu olhei me ao espelho e pensei em mim…
    choro mto nao digo que nao…mas todas as noites rexo e agradeco a Deus a forca que me da todos os dias…
    Dei mto mto de mim a esta relacao e na verdade tudo foi em vao…
    Fugi da zona onde moravamos para eskece lo…
    espero bem conseguir rexo pra isso, mas neste momento da me vontade de xorar, gritar enfim…
    obrigada plo desabafo…
    Claudia lisboa

  • Rafael W.

    Comigo  tb aconteceu algo semelhante
    Foi um relacionamento de 2 anos e 9 meses exatos feitos  hoje dia 05 do 07 de 2010 jah está com 5 dias q a gente brigou e eu cansado resolvii acabar com o relacionamento
    do qual me arrependo amargamente
    eu ate que tenttei, implorei , chorei,exatamente pq eu nao queria deixar todo esse tempo ir por agua a baixo, ainda mais com uma pessoa q sempre me fez feliz, nunca me deu motivos pra desconfiança nem da minha parte e nem da dela, mais aos poucos uma monotona rotina acaba desgatando um pouco a relação e as vezes a gente brigava (brigas bestas, sem motivos) como toda relação tem suas desavenças. o nosso amor foi muito intenço meio que proibido, pois a mae dela meio que nao aceitava a filha dela com um namorado pois fui o primeiro, passamos muitas coisas juntos ate mesmo coisas que nada e nem ngm conseguirá explicar.
    tudo foi muito lindo, sempre foi motivo de receber elogios
    pois o nosso namoro sempre foi com muito apego, o que e tipico na maioria dos relacionamento o enjôo desse apego, mais com ela foi diferente , nao foi minha primeira namorada, mais foi a unica q mudou minha vida, antes dela eu arriscava muito minha vida em rachas de moto, do qual me arrependo  depois q amadureci e vejo o perigo q tinha. graças a ela minha vida foi completamente mudada ela literalmente completava a metade q faltava no meu coração, ela porem trazia um trauma de infancia q nunca conseguiu superar, flagrar teu pai na cama com a empregada q era sua ex babá cuidou dela desde muito novinha, e logo em seguida descobriu q ele tinha uma segunda mulher, tudo isso fez com q ela fica-se insegura de min, ela sempre teve muito medo de eu trai-la, mais qd estou em uma relação  eu jogo honesto, ja por questão de respeito, o tempo passa e vejo q estou conseguindo mudar essa persepção de vida q ela tinha a respeito de min( pois eu era meio metido a DON JUAN  antes de nosso relacionamente), o tempo passa e nossa relação vira um conto de fadas, mais todo conto tem suas bruxas, e essa que apareceu no nosso conto chama-se FIM.
    Estou muito mal jah chorei, ja esmurrei a parede , ate mesmo tentei cortar meu pulso, tentei me recompor e aceitar  o fim
    mais qd eu estou decidido a seguir minha vida, ela me chama pra conversar “ontem” 4 de julho, eu chego decidido a nao aceitar mais
    so q quando cheguei perto dela, ela me abraçou e disse q me ama, eu nao resisti começou a descer lagrimas dos meus olhos e correspondi, passamos a noite juntos, mais no dia seguinte ela volta a dizer q nao queria mais , mais uma vez implorei pelo amor dela, implorei  como nunca imaginei q fosse fazer isso, mais o amor q tenho por ela eh enorme, eu sinto q ela me ama mais ta tentando ser dura, e dificel  acabar com uma situação como essa
    caricias q ngm faz igual, amizade nunca comparada com nenhuma outra paixao inacreditavel, assim era nosso amor.
    Agora estou  quase chorando, saber q foi tudo por agua abaixo
    estou decidido a seguir minha vida, nos primeiros dias nao qria sair de casa para evita-la mais foi pior adoeci tive febre
    fui parar no hospital, foi exatamente onde ela provou q me ama e q esta agindo dessa forma pela raiva q esta de min. Mais como eu tentei hoje, exatamente hoje o dia mais marcante da nossa relação e ela disse q ia pensaqr bem no caso, falando muito fria,
    resolvi seguir em frente, estou vendo q nao vale a pena, da a vida pra quem nao merece.
    Escutando as musicas de SORRISO MAROTO me ajudou muito, pois tem muitas letras q retratam o desprezo ou algo do tipo do qual o cantor revida fazendo q uma especie de auto ajuda, levantou bastante meu atral.
    Por  enquanto tudo bem mais qd ela me ligar nao sei se resisto
    mais bola pra frente
    voltar a sair, encontrar com amigos
    brincar
    fazer varias coisas sem dah satisfações a ninguem, na realidade eu qria mais ante era morrer, mais como nao vale a pena vou seguir em frente
    perdoe-me por eu usar o teu site como forma de desabafo
    mais qd escrevo ou digito sobre isso me alivio, choro bastante mais chega ao ponto de q o choro para e vem a auto estima.
    Desculpa mais uma vez
    Obrigado

    • Vigilante

      Amigo Rafael foste capaz de me causar uma lágrimas depois de ler tudo o que escreveste.
      O final das relações são sempre complicados sobretudo de uma relação de um tempo tão alongado.
      O importante é pensar que fizeste tudo por ela enquanto estavam juntos, que não deixaste nada por fazer, isso é o mais importante. Mesmo que tudo possa acabar ela nunca irá esquecer e isso eu prometo, nunca irá esquecer o que fizeste por ela.

      Se realmente for preciso seguir a vida para a frente eu apenas digo força, pensa no número de pessoas que estão numa situação semelhante à tua, a vida é isto, tal como o amor mas temos de estar preparados e ser o mais forte possíveis para superar tudo isto.

      Em relação ao desabafo. Amigo Rafael faça quantos desabafos quiser, nada me deixa mais contente do que ver que as pessoas tornam este site como a sua casa que utilizam para desabafar, ultrapassar problemas e sobretudo aprender de uma forma conjunta.

      Força Amigo.

      • Rafael W.

        Amigo. muito obrigado pela força mais nao sei mais o que é que eu faço.
        Se realmente tento seguir minha vida ou se luto pelo amor da minha vida. No momento vou dá um tempo a ela, deixar ela pensar se realmente é isso q ela quer, ver se vale a pena, como diz o ditado vou dá um tempo ao tempo
         
        Vlw mesmo pela força, fica com Deus

    • Camilo Lopes

      Muito bom o site. Apareceu assim na hora certa e o post tb. Estou pssando pro esse sofrimento há alguns dias. Minha namorada, relacionamento de 2 anos e meio. Resolveu terminar. O motivo que ela cansou do relacionamento, pois nos ultimos 6 meses a gente brigou bastante por coisas bobas, que antes no inicio e durante 2 anos sabiamos levar, eu nao fui nenhum santo durante o relacionamento, sempre respeitei ela, mas tb cometi meus erros, de brigas que não faziam sentido e aconteceu, e cada briga é um desgaste que afeta mais na frente, foi uma das lições que aprendi agora. Mas, dessa vez ela está muito segura, disse que me ama, e que vou ser sempre o amor da vida dela. Mas, ela não consegue ir mais adiante, devido as magoas, que existiu das duas partes. Sem falar que nos ultimos meses, tinha alguma coisa faltando, eu sentia que tinha algo faltando entre a gente, saudades não existia mais, ligações eram menos, exceto para discussões etc. E com otermino claro, entrei em desespero, fui até ela, tentei conversar por dois dias, mas ela não queria retornar. Procurei o chão e não encontrei. Está sendo dificil aceitar, retornar pra casa e ir dormir sem ela do lado, olhar amanhã pra ela e saber que está com outra pessoa, eu realmente não consigo ainda superar e parece que não vou conseguir. Me coloquei em uma situação que nunca achei que passaria, pois ela me colocou pra fora da casa dela quando fui conversar, disse que era pra ir e seguir minha vida, que acabou. Não tinha mais como. Hoje estou aqui e todos aqui sabe o tamanho dessa tristeza. Espero amanhã olhar para tras e falar ainda bem que aconteceu isso. E conseguir falar sem sofrer, mas nao sei se vou conseguir. Parece que o mundo de fecha e não mais motivo pra ir adiante.

      • sentimentocalmo

        Olá amigo, todos sabemos como é complicada uma situação destas. Espero que o artigo possa ter ajudado de alguma forma, embora saiba perfeitamente que não será o meu artigo que resolverá a sua situação. Acho que você ainda deve estar muito apegado ás coisas que faziam juntos e isso é completamente normal e muito provavelmente está muito focado nas coisas boas que passaram, será que não pensa também nos momentos maus e nas coisas más? Também deveria passar. O mundo está cheio de pessoas, é normal que custe quando nos separamos de alguém com quem já tínhamos uma grande ligação, mas todos os dias podemos conhecer pessoas novas e muitas delas até pessoas fantásticas com histórias para contar. Quem sabe uma delas não poderá suscitar novamente sentimentos em si e começar uma nova história? Encare a situação como uma página virada do livro. Se as coisas não voltarem ao normal, não fique preso nisso para sempre, quando você sabe perfeitamente que existe tanto nesta vida ainda para viver.

  • Fernanda Amaral

    Já fazem 6 meses que saí de um relacionamento muito intenso e conturbado e não consigo esquecer este homem. Começamos a nos relacionar casualmente, e ao passar do tempo as coisas se tornaram muito intensas. Eu sabia que corria riscos, pois ele é um homem que gosta de sair com várias mulheres, e não quer nada sério com ninguém. Me envolví mesmo assim pois estava carente. Passamos por muitas coisas boas juntos, mas sempre estava insegura por causa dos hábitos dele. Nunca estabelecemos formalmente que tínhamos um relacionamento sério, mas ele me apresentava aos seus amigos como sua namorada e fazíamos muitas coisas juntas. Ele nunca me prometeu fidelidade, pois não havia um compromisso claramente estabelecido entre nós, mas eu era fiel, pois não consigo me envolver com várias pessoas ao mesmo tempo. Com o passar do tempo fui sabendo das coisas que ele fazia quando não estava comigo, sempre dormindo com outras mulheres e coisas assim. Chegou a um ponto que comecei a ficar ciumenta e agir de forma diferente pra provocá-lo, e ele por ser machista não aceitava. Brigamos muito, e o relacionamento se desfez. Houveram algumas recaídas, mas nunca mais as coisas foram as mesmas.
    Eu não consigo aceitar o fim, pois hoje em dia ele me ignora e não fala mais comigo, por causa das coisas que fiz (atitutes por causa de ciúmes, tentando provocá-lo) mas também fiz muitas coisas por ele e o ajudei muito, então não consigo aceitar o fato de ele me desprezar e de não se importar comigo. Fico sempre pensando nele e nos momentos bons que passamos juntos, querendo que eles voltem novamente.
    ‘As vezes acho que estou doente, obcecada por alguem que me fez tão mal, que me fez sofrer, e não sei o que fazer para esquecê-lo.

    • Vigilante

      Amiga Fernanda, pelo que contou parece-me que teve a atitude correcta. Claro que não se paga o mal com a mesma moeda, ou não se devia. No fundo devia saber que isso ia acontecer ou andava a acontecer e estabelecer logo as regras de início e não sujeitar-se ao que aconteceu.

      Se ele realmente fazia isso e ainda faz, é porque não a ama, talvez ame a ideia que tem de si, ou simplesmente o faça sentir-se bem mas não passa disso porque quem ama não trai.

      Pense em todo o mal que ele fez, de certeza que as coisas más irão superar as boas e será mais fácil esquecer. A verdade e sou sincero é que nunca se esquece, mas atenua o sentimento.

  • Mónica

    Bom dia a todos voces, ja li as menssagens deixadas por todos voces.
    Amo muito o meu noivo estamos juntos a 3 anos com casamento marcado para julho de 2011.
    Na verdade nunca tivemos uma briga dakelas muito fortes, sempre ultrapassamos as situacoes. com um pedido de desculpas e seguimos em frente.
    Tivemos uma discussao mto forte esta semana e ele teve uma atitude k me decepcionou bastante, pedi desculpas, liguei varias vezes e ele me ignorou e nao quis converssar comigp.
    Kero terminar c ele e ja jurei a mim mesma k nao vou mais ligar ou procurar por ele e tambem nao kero k ele me procure mais. Eu amo muito ele fizemos tantos planos e projectos a dois, estou tao triste mesmo, e kero superar isso tudo pois ja tive uma relacao antes dele k tambem foi muito dolorosa. 

  • Ana patrícia

    “A vida não pode ser vivida como uma novela que sabemos o final,:a mocinha sempre acaba bem com o cara dos seus sonhos…Infelizmente a realidade é outra.
    As pessoas mudam, por vontade própria, ninguém muda ninguém, por mais que se tente n consegue. As pessoas são o que são”.

Tema WordPress exclusivo por Sybo (C) 2008 - 2014 Sentimento Calmo | Todos os Direitos reservados