7 dicas para evitar um coração quebrado

Todos sabemos o quão difícil é curar um coração partido. Claro que ninguém parte o coração literalmente, mas emocionalmente, existem muitas coisas que uma pessoa que sofreu um desgosto tem de lidar. Hoje pretendo partilhar com vocês algumas dicas para evitar um coração partido. Mais vale prevenir do que remediar não é mesmo? Por vezes a culpa de nos darmos mal não é de ninguém para além de nós mesmo. Por vezes damos demasiados ouvidos ao nosso coração e muito poucos à razão. Querem ter uma relação saudável? Vejam as dicas seguintes.

evitar-coracao-partido

Evitar coração partido

Não exagere nas suas emoções – Aprender a viver o momento sem pensar demasiado no futuro é um bom ponto de partida para não se magoar seriamente. Ser muito emocional irá fazer com que se apegue demasiado à outra pessoa e se ela não sentir o mesmo que você sente, acabará preso num amor não correspondido e todos sabemos o quanto isso traz de sofrimento. Não adianta apressar as coisas, se o amor for para a vida você irá perceber.

Aceite a situação – Não existe muito que possa fazer para além de aceitar a situação. Quanto mais tentar negar, mais irá sofrer. Se você está numa relação à pouco tempo, terá de manter a sua mente aberta e perceber que se encontra numa situação frágil que poderá romper facilmente. Não espere que as coisas se componham sozinhas! Aceite que a vida é imprevisível e que as coisas podem acontecer. Se baixar a sua expetativa e aceitar as coisas como elas são, sofrerá menos se algo acontecer.

Deixe-se de comparações – Porque razão as pessoas ainda fazem comparações? O seu relacionamento atual nada tem a ver com o seu anterior. O seu parceiro atual também nada tem a ver com o anterior. As comparações são estúpidas e só a farão sofrer. Aproveite o momento e a pessoa com quem está sem fazer comparações! Aceite que as situações são diferentes assim como as pessoas. Sem comparações = sem problemas.

Saiba o que você quer – Você sabe o que quer na sua vida e no seu relacionamento? Se não sabe de modo concreto quais são os seus sentimentos, então poderá vir a sofrer, você e a outra pessoa. Se você não mostrar confiança e empenhar-se inteiramente no relacionamento, não espere que a outra pessoa o fará por si. Pare.Pense. Saiba o que realmente sente e deseja.

Se você deu o máximo e não resultou – Não precisa de se sentir triste! Você deu tudo pelo relacionamento. Você deu o seu máximo! O problema não é seu que o relacionamento não tenha resultado. Se não resultou é porque a outra pessoa não estava tão interessada no relacionamento como você. Orgulhe-se por ter feito a sua parte.

Abra os olhos para os alertas – Se você quer evitar uma desilusão no seu relacionamento é importante que esteja atenta aos alertas. Só olhando para os alertas conseguirá perceber se a sua relação tem pernas para andar ou não. Vocês passam tempo juntos e aproveitam esse tempo da melhor forma? Tratam-se com respeito? Só uma relação com amor, companheirismo e compromisso poderá ser bem sucedida.

Seja sincero consigo próprio – Não queira mostrar aos outros uma pessoa que você não é! Seja sincero consigo próprio e mostre o seu verdadeiro eu. Ninguém gosta de máscaras e nenhuma relação irá persistir alicerçada numa mentira. Não tenha medo de mostrar quem você é às pessoas porque é como você é que elas têm de gostar de si.

Siga estas dicas se quer proteger o seu coração de um desgosto de amor.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

avatar
wpDiscuz