10 sinais que indicam que você tem medo de ser abandonada

Medo de ser abandonada. Medo de ficar sozinha. Medo que o seu relacionamento não dê certo ou que não corra como você deseja, já sentiu? Este medo pode surgir por várias situações na sua vida e é importante perceber se você tem medo de ser abandonada para que possa agir em conformidade.

Na maior parte dos casos, este é um problema que está em si e assim sendo é necessário perceber quais são os “sintomas” para que os possa resolver ou trabalhar.

Estes são os 10 sinais que deverá estar atenta:

1  Casos passados de abandono – Este medo de perder alguém é causado das mais variadas formas, mas não necessariamente por algo que você tenha feito no passado. A vida por vezes faz-nos testemunhar coisas que não queremos, e o medo de ser abandonada pode surgir por ter assistido a situações como:

  • Divórcio dos pais, sobretudo se era muito nova.
  • Você foi adotada ou tem pais alcoólicos.
  • Problemas de baixa auto-estima e falta de confiança.
  • Você perdeu alguém importante para si na sua vida.
  • Você foi abusada física ou psicologicamente na sua infância.

Todas estas situações podem manifestar-se em medo de abandono ou rejeição ao longo da sua vida.

2 Você não consegue uma relação séria – Todos os relacionamentos no princípio parecem maravilhosos e ser a melhor coisa do mundo. O problema começa quando a paixão inicial se desvanece e todo o relacionamento se torna menos interessante. Pessoas com este sintoma, tendem a perder o interesse por um relacionamento muito rapidamente.

3 Impossível encontrar alguém perfeito – A procura da pessoa certa para nós é importante, mas a procura da pessoa “perfeita”, pode tornar-se numa luta sem fim. Este tipo de pessoas tende a ter uma expetativa demasiado elevada e dessa forma não consegue nunca encontrar uma pessoa que a satisfaça ou neste caso, que satisfaça a sua visão irrealista. Lembre-se que até os relacionamentos perfeitos têm falhas aqui e além por isso nunca encontrará a pessoa perfeita.

4 Medo de ser traída a toda a hora – Estamos a falar aqui de um problema que geralmente provém de uma falta de confiança extrema no seu parceiro, aliada a uma falta de auto-estima da sua parte. Uma pessoa assim, tende a achar que todos os seus namorados a traíram e à mínima coisa fará um filme completo, por mais certo que o seu parceiro possa ser no relacionamento.

5 Você estraga tudo eventualmente – Tem de perceber que você é a sua maior inimiga e tem o poder de estragar tudo muito facilmente. Está a ver aquela relação que parece perfeita? Aquele tempo perfeito que vocês têm passado juntos e de um momento para o outro, você estraga tudo da forma mais estúpida possível? É uma coisa que este tipo de pessoas tende a fazer com bastante facilidade.

6 Você é controladora – Por ter medo de perder a outra pessoa. Por achar que ela está sempre a pensar na melhor forma de a trair ou por não conseguir ter alguma relação séria, você torna-se numa pessoa controladora. Novamente um problema que vem de si, da sua falta de auto-estima e de confiança em si e no seu parceiro.

7 Você é uma pessoa negativa – Uma pessoa negativa que tende a culpar o mundo por todos os seus problemas. É uma pessoa que faz comparações muito facilmente. Uma pessoa que vive demasiado presa ao seu passado e que lhe dá tanta importância que não consegue fazer nada no presente.

8 Ou se agarra a alguém muito depressa – Você não gosta de estar sozinha e isso torna-se muito perigoso na sua vida, porque faz com que você se agarre à primeira pessoa que expresse algum carinho por você.

9 Ou não se agarra de todo – Por outro lado, existem aqueles que por serem tão desconfiados com tudo e com todos, por deixarem todos os seus medos falar mais alto, não se deixam apegar a ninguém e vivem apenas relacionamentos superficiais. Já para não falar que vivem constantemente a limitar os seus sentimentos.

10 Medo de ser rejeitado não é só no amor – O grande problema é que este medo de perder, de ser rejeitada ou de não conseguir não se aplica exclusivamente a um relacionamento. Você pode ter medo de falhar na vida, pode não se sentir suficiente para fazer determinado trabalho. Pode sentir-se incapaz de atingir os seus objetivos. Tudo isso terá reflexo na sua vida e nas suas atitudes para com os outros.

O medo realmente pode fazer muitas coisas na nossa vida, sobretudo se vivemos presos ao passado e não conseguimos viver o presente. Esteja atenta a estes sinais e se for necessário procure ajuda.

Gostou do artigo?
Gostavamos de ter o seu apoio no Patreon. Saiba mais clicando AQUI.

Deixe um comentário

avatar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.